Preço do gás cai em 6% e auxílio-gás tem pagamento em outubro

A Petrobras anunciou que vai reduzir em 6% o preço do gás de cozinha a partir de amanhã, dia 23. O preço passará de R$ 52,34 para R$ 49,19, uma redução de R$ 3,15.

Segundo a empresa, a redução se deve a volatilidade de cotações do dólar e petróleo, além de corresponder com a política de preços da estatal. O valor de cada quilo do botijão será de, em média, R$ 3,78.

Em comunicado, a empresa se manifestou assim: “Essa redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações e da taxa de câmbio”;

Essa é a segunda vez que a Petrobras reduz o preço do gás de cozinha em dez dias. No último dia 12 de setembro, a estatal ajustou em 4,7% para baixo o preço do GLP.

A redução ao consumidor, entretanto, não deverá impactar como esperado. O valor médio do botijão ainda está acima de R$ 100, segundo a ANP, e deve se manter nesse patamar nas próximas semanas.

Auxílio Gás volta  a ser pago em outubro

As parcelas do Auxílio-Gás voltam a ser pagas aos beneficiários a partir do próximo dia 18 de outubro, de acordo com calendário da Caixa Econômica Federal.

Em 2022, os valores foram depositados nos meses pares, em conjunto com as parcelas do Auxílio Brasil, por meio do final do número de inscrição social (NIS).

Da mesma forma que em agosto, o auxílio de outubro seguirá sendo o equivalente ao preço total da média nacional do botijão de 13 kg de gás liquefeito de petróleo (GLP), ou seja, de R$ 110. Até então, desde o começo do ano, o valor médio integral da unidade era de 50%.

Datas de pagamento das parcelas do Auxílio-Gás em outubro:

O beneficiário deve observar qual o último número no cartão de benefício, desprezando o que vem após o dígito, para saber quando terá acesso aos valores.

  • NIS com final 1: 18 de outubro
  • NIS com final 2: 19 de outubro
  • NIS com final 3: 20 de outubro
  • NIS com final 4: 21 de outubro
  • NIS com final 5: 24 de outubro
  • NIS com final 6: 25 de outubro
  • NIS com final 7: 26 de outubro
  • NIS com final 8: 27 de outubro
  • NIS com final 9: 28 de outubro
  • NIS com final 0: 31 de outubro

Quem tem direito ao benefício?

Famílias inscritas no CadÚnico com renda familiar mensal per capta (por pessoa da família) igual ou inferior a meio salário mínimo ou seja, R$ 606 atualmente, terão direito ao benefício, assim como famílias com integrantes no  Benefício de Prestação Continuada.

O texto do programa prevê os seguintes critérios de prioridade no recebimento do Auxílio Gás:

  • Famílias com registro do CadÚnico que tenha sido atualizado nos últimos 24 meses
  • Famílias com menor renda por pessoa;
  • Famílias com maior quantidade de pessoas;
  • Famílias que recebem benefício do Programa Auxílio Brasil;
  • Famílias com cadastro qualificado pelo gestor por meio do uso dos dados da averiguação, quando disponíveis;
  • Mães chefes de famílias e mulheres vítimas de violência doméstica que estejam sob monitoramento.
×
App O Trabalhador
Aplicativo O Trabalhador
Grátis - Na Google Play
VER