Auxílio emergencial não caiu na conta corrente; como posso recuperar?

O pagamento do auxílio emergencial voltou a acontecer no mês de abril. No entanto, algumas pessoas tiveram problemas com o recebimento: o benefício falhou para muitas pessoas e alguns sequer conseguiram entrar no Caixa TEM por terem sido acusados de fraude.

No ano passado, em 2020, houve a disponibilidade da população se candidatar para receber. No entanto, nesse ano, em 2021, puderam se inscrever apenas aqueles que já recebiam anteriormente devido a falta de tempo de realizar toda a análise. A diferença é que aqueles que tiveram o pedido recusado desde o ano passado, puderam contestar.

O valor do auxílio emergencial varia de acordo com cada estrutura familiar: R$ 150 é enviado para aqueles que moram sozinhos enquanto o valor de R$ 250 (que é a média dos benefícios), é para aqueles que moram em duas ou mais pessoas na mesma casa.

O valor mais alto do benefício é enviado para as mulheres que cuidam dos filhos de até 17 anos e que são responsáveis pelo sustento sozinha da casa.

Caixs TEM e o auxílio emergencial

- Continua Depois da Publicidade -

Para receber o auxílio emergencial, é necessário criar uma conta no Caixa TEM. No entanto, em alguns casos, pode ter encontrado algum bug no app com o código de verificação.

Neste caso, é necessário ter em mãos o comprovante de residência, identidade e, para quem é beneficiário do Bolsa Família, a documentação com o NIS.

Quem sentir dificuldades, pode ir presencialmente ao banco ou lotérica a fim de pedir ajuda de especialistas ou então, entrar em contato com o suporte online.

O Caixa TEM tem novidades neste ano, como é o caso da presença e possibilidade de pagamentos através do PIX, que é totalmente gratuito e instantâneo para que o valor caia na conta. Atualmente, mais de metade de todas as transações no Brasil, em cerca de 6 meses, ocorrem através deste sistema.

- Continua Depois da Publicidade -

De acordo com o Banco Central, cerca de um terço de todos os brasileiros já utilizaram o sistema uma vez na vida e ele soma mais de R$ 3 trilhões de transações.

Leia mais: 

Avalie Nosso Conteúdo!
Avalie Nosso Conteúdo!
 
Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui