Auxílio emergencial sobe para R$ 500 com pagamentos até dezembro?

Há boatos de que o auxílio emergencial está subindo para o valor de R$ 500 e deve ir até o mês de dezembro. Esse é um dos assuntos mais falados desde a semana passada visto que o atual auxílio emergencial varia entre R$ 150 a R$ 375, sendo o maior valor para as mulheres com filhos de até 17 anos que não trabalham. 

Entretanto, vale ressaltar que esse valor foi uma proposta de projeto. Ou seja, estava em análise na câmara porque um deputado sugeriu que houvesse essa alteração, mas não quer dizer, necessariamente, que realmente vai aumentar. 

A dívida do Brasil está em R$ 5 trilhões e para que o governo conseguisse aprovar o auxílio, tiveram que assinar a PEC Emergencial que tem como intuito garantir que terão verbas para os R$ 40 bilhões que devem fornecer para a população. 

Para que sobre verbas, devem realizar o corte de salário de profissionais da saúde, educação e segurança pública. Muitos podem ter até 20% do salário cortado e isso pode fazer, segundo a UFMG, que o PIB caia em até 1,4% em 2021. 

- Continua Depois da Publicidade -

Se o governo afirmava que não teria verbas para os R$ 150, R$ 250 e R$ 375, não terá também para R$ 375. 

Apesar disso, o presidente Bolsonaro argumentou que pretende aumentar o valor do Bolsa Família e tirar a média de R$ 192 para R$ 250. De acordo com ele, somente o auxílio emergencial já gastou mais que uma década de bolsa família.

O governo está tentando prevalecer os programas sociais como tentativa de aumentar a reputação perante as classes mais baixas. Sua rejeição, segundo o Datafolha, já é de 52%, tendo os maiores níveis entre os pobres, mulheres e estudantes de graduação. 

Quais os valores do auxílio emergencial?

Os valores do auxílio emergencial podem variar entre R$ 150 para quem mora sozinho, R$ 250 para famílias em grupos de dois ou mais (pode ser grupos mesmo sem ser “sanguíneo”) e de R$ 375 para as mães solteiras. 

- Continua Depois da Publicidade -

 

Avalie Nosso Conteúdo!
Avalie Nosso Conteúdo!
 
Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui