Benefícios que os policiais podem receber em 2022

Para o ano de 2022, os  policiais devem receber alguns benefícios, tanto em relação ao estado quanto em escala federal. O presidente da República, Jair Bolsonaro, já discute sobre a possibilidade de pagar aumentos salariais. De acordo com economistas, isso poderia causar um rombo na faixa de R$ 2,8 bilhões aos cofres públicos durante o ano que vem e, no ano de 2024, essa dívida poderia ser de R$ 11 bilhões.

De acordo com o portal FDR, essa seria uma forma do atual governo em aumentar a popularidade e buscar a aprovação. Esse reajuste iria impactar diretamente os profissionais da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e do Departamento Penitenciário Nacional.

Em um evento realizado no dia 14 de dezembro, terça-feira, Jair Bolsonaro teria se reunido com o ministro da Justiça, Anderson Torres para discutir o novo incentivo para as carreiras e afirmou que o ministro da Economia, Paulo Guedes, também era a favor do novo reajuste. 

Policiais do Paraná também podem ser beneficiados com um Vale-alimentação de R$ 600

Em escala de polícia civil e municipal, o estado do Paraná pretende pagar um valor alimentação no valor de R$ 600 que pode ser o equivalente a mais de 30% do salário dos profissionais. Alguns deles que trabalham com a segurança pública recebem menos de dois salários mínimos por mês. 

Reajustes de servidores públicos não são os únicos responsáveis pelo aumento da dívida

Para o ano de 2022, é estimado que o Auxílio Brasil continue sendo pago em sua média de R$ 400. O valor é muito maior que aquele que era pago até então pelo Bolsa Família, que tinha a média de R$ 190. Deste modo, o rombo nos cofres públicos  pode chegar a mais de R$ 600 bilhões com a aprovação da nova PEC. O valor de R$ 400 deve continuar sendo pago até o final do ano que vem, quando ocorrem as eleições para presidente da República. 

Daiane Souza
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui