DAS MEI: como saber se o pagamento está contribuindo para o INSS?

O MEI tem a obrigação de realizar o pagamento mensal do DAS no valor de R$ 60, sendo que cerca de R$ 55 é descontado para o INSS. Entretanto, algumas pessoas costumam usar aplicativos de terceiros porque não sabem como emitir o boleto direto do site da Fazenda. 

A questão é que pagar por aplicativo nem sempre é seguro e, em alguns casos, o MEI pode achar que está contribuindo e o pagamento não estar sendo compensado para o INSS. E, dessa forma, ele perde seus direitos como auxílio doença e até mesmo auxílio maternidade.  Para saber se o valor realmente está sendo compensado, é ideal realizar o seguinte procedimento: 

  • Vá até a Play Store e baixe o aplicativo MEU INSS. 
  • Depois disso, faça o login com sua conta GOV. 
  • Agora, clique em “extrato de contribuições”, se encontrar os meses que pagou o DAS como “recolhimento”, é porque o pagamento está sendo realizado da forma correta. Caso não o encontre, é necessário entrar em contato com um contador. 

Sou MEI e não tenho faturamento, tenho que pagar o DAS?

Durante a pandemia da Covid-19, muitos microempreendedores individuais acabaram ficando sem faturamento e, dessa forma, atrasaram o pagamento do DAS. O portal da Fazenda cobra multas por atrasos e, dessa forma, é necessário tomar todo cuidado. 

Mesmo que o MEI não tenha faturamento, pelo DAS também contribuir para o INSS, ele deve continuar pagando  para ter direito aos benefícios e aposentadoria. Além disso, como dito antes, se não o pagar, terá a adição de multas nos boletos. Outro ponto que vale a pena destacar é que, ao estar com essa pendência em aberto, não é possível fechar o CNPJ. 

Avalie Nosso Conteúdo!
Avalie Nosso Conteúdo!
 
Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui