Energia elétrica: entenda o que está causando o aumento

Na última terça-feira (31), a Aneel criou uma nova bandeira de luz com valores que são ainda mais altos que os já existentes: a taxa para crise hídrica. Dessa forma, os brasileiros terão que pagar na faixa de R$ 14,20 por 100 kWh até o mês de abril do próximo ano, em 2022. As novas regras entraram em vigor a partir do primeiro dia de setembro deste ano. 

O argumento para o aumento é que o país está enfrentando uma seca, o que, para a pasta responsável pelo assunto, é normal em muitas outras regiões. Devido a essa seca, haveria a dificuldade em produzir energia elétrica e, assim sendo, o aumento.  Pesquisas mostram que as possibilidades do aumento da energia saltaram de 5% até cerca de 10%. 

O que o aumento da energia elétrica pode causar na economia?

O aumento da energia elétrica pode causar uma série de consequências na economia, como o aumento da inflação que, até o mês de julho deste ano estava em 8,99%. Os dados referentes ao mês de agosto não foram liberados até o momento, mas é estimado que esteja na faixa de 9,3%.  

Com o aumento dos preços da energia elétrica, há mais dinheiro em circulação e aumento da inflação. No entanto, o brasileiro perde seu poder de compra visto que o salário continua o mesmo que antes. 

- Continua Depois da Publicidade -

Com o aumento da inflação brasileira, o dólar fica mais instável e o preço pode aumentar. Na última quarta-feira (01), já com a liberação dos dados do PIB, que caiu cerca de 0,1%, houve o aumento de R$ 0,03 na moeda norte-americana. É estimado que até o final do ano, o câmbio volte a flertar com cerca de R$ 6 assim como no começo deste ano. 

Acompanhe o OTrabalhador para saber mais sobre os direitos e deveres dos cidadãos brasileiros. 

Avalie Nosso Conteúdo!
Avalie Nosso Conteúdo!
 
Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui