Governo federal gastou mais de R$ 387,20 bilhões em programas sociais em 2020

O governo federal, administrado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, gastou mais de R$ 387 bilhões em programas sociais para a população no ano de 2020. Em 2021, até então, o gasto vem sendo de R$ 70 bilhões. 

Os maiores investimentos no ano passado são decorrentes do auxílio emergencial que estava custando cerca de R$ 1200 para as mulheres com filhos menores de 18 anos e de R$ 600 para o restante da população. Neste ano, o valor teve um reajuste e está entre R$ 150 e R$ 375. Os beneficiários que recebiam o Bolsa Família com o valor menor, podiam também optar por migrar para o programa social que fosse mais vantajoso em relação ao valor. 

Programas sociais  criados durante a pandemia

O auxílio emergencial não é o único benefício que foi pago para a população durante a pandemia da Covid-19: existe também o Vale Gás que estava sendo disponibilizado no estado de São Paulo para as famílias que estavam vivendo com menos de R$ 178 por mês. O valor do voucher era de R$ 300 e foi dividido para que o pagamento fosse realizado dentro de três meses com parcelas de R$ 100. 

E, neste ano, o governador de Minas Gerais aprovou um programa de auxílio emergencial estadual que paga cerca de R$ 600 em uma parcela única para as comunidades mais carentes. O Rio Grande do Sul também mostrou destaque quando o assunto se tratou de ajudar a população: foi anunciado, em outubro, que pagariam uma devolução dos impostos de ICMS em até 4 parcelas de R$ 100. 

Já em escala federal, o presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou que pretende realizar o reajuste do Bolsa Família em 50%, saindo assim da média de R$ 190 e indo para R$ 300 ao mês. No entanto, o programa pode ser prorrogado para o ano de 2022 devido a falta de verbas para financiamento. 

Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui