IPVA: o que acontece se eu não pagar o imposto?

Quem nunca escutou que “o governo nunca sairá perdendo”? Pois é, para aqueles proprietários que não quitarem o imposto anual do IPVA, o resultado pode ser muitos problemas e consequências gravíssimos – o principal deles é a inadimplência com o governo.

E acredite, você não quer que isso aconteça! 

Após o atraso no pagamento do boleto, e caso ele fique sem ser quitado, o responsável terá um acréscimo de multa no valor do imposto anual, que, com o passar do tempo, isso formará em uma grande dívida.

O contribuinte paulista que não recolher o IPVA poderá receber multa de 0,33% diário e juros de mora – esta é uma taxa cobrada pelo atraso no pagamento deste imposto durante um período – com base na taxa Selic.

- Continua Depois da Publicidade -

Caso o proprietário não regularize este débito em até 60 dias, o percentual da multa ficará em 20% do valor do imposto.

E ainda, o responsável pelo veículo com IPVA atrasado terá seu nome inserido no Cadin Estadual – este é um cadastro de inadimplência -, o que pode acarretar em problemas, como proibir o devedor de conseguir crédito usando a Nota Fiscal Paulista.

A situação é tão séria, que se a dívida ser inscrita, a PGE (Procuradoria Geral do Estado) poderá cobrar o dividendo mediante protesto.

Além disso, deixar de pagar este imposto, também poderá levar o cidadão a contrair uma dívida ativa, que basicamente é um cadastro do poder municipal, estadual e federal, que reúnem dívidas públicas como o próprio IPVA, IPTU e até multas ambientais.

Um dos impostos!

- Continua Depois da Publicidade -

O IPVA é apenas um dos impostos que é cobrado para a pessoa adulta. Não se pode esquecer, por exemplo, do imposto de renda que deve ser declarado até o próximo dia 31 de maio, caso contrário, o cidadão também pode passar por multas e até mesmo pela malha fina. 

Além do imposto do carro, existe o IPTU (imóveis e terrenos) e o Incra para quem é de zona rural.

 
Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui