Lâmina de fundos: o que é e como funciona?

Uma lâmina de um fundo de investimento é um documento que guarda onde e como aquela empresa está aplicando o valor que é “emprestado” pelos seus clientes. Por exemplo, um fundo de criptomoedas pode ter em seu documento que costuma aplicar em Bitcoin, Ether, Solana, Dogecoin e em outras alternativas. Já um de multimercado, pode optar por aplicar os valores na bolsa de valores e em tipos de ações específicas (por isso, a importância de consultar todo o material). 

Neste documento, que costuma ser um PDF, pode-se encontrar informações que vão além de onde e como aplica como no caso do público alvo, quais são as restrições de investimentos, descrição resumida da política da empresa assim como o histórico de rentabilidade e o grau de risco que o investidor pode passar ao aplicar. 

Outro ponto que deve ser detalhado neste documento é sobre a taxa de manutenção. Geralmente, as empresas que administram cobram uma taxa que está sobre o valor de rendimento como uma recompensa. Então, se houver o rendimento de R$ 1 mil e a taxa for de 2%, terá o desconto de R$ 20 mais o imposto de renda e IOF se existir. 

Lâmina: Existe apenas um fundo de investimento?

Não! Não existe apenas um fundo de investimento e apenas um grau de risco. Existem alternativas que são destinadas para os investidores mais conservadores, como é o caso dos fundos imobiliários e também de renda fixa que rendem entre 5% e 10% ao ano. Assim como também há a alternativa de aplicar em fundos de criptomoedas, que são destinados para investidores mais arrojados e que gostam de assumir riscos perante a volatilidade do mercado. De acordo com relatórios que foram liberados pelo banco Inter, a volatilidade pode chegar a mais de 100% ao dia.

Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui