MEI 2022: veja novo limite de faturamento, valor dos impostos e requisitos

O ano de 2021 já está acabando e, com ele, surgem novas dúvidas em relação aos direitos de empresas, limites máximos de faturamento e salário mínimo para o próximo ano. As dúvidas também estão relacionadas ao MEI 2022.

Neste ano, a Câmara de Deputados e o Senado estavam estudando a possibilidade de alterar o valor de faturamento de R$ 81 mil para R$ 130 mil. No entanto, o projeto ainda está em análise. A mesma lei ainda prevê que o MEI, em vez de contratar apenas um funcionário, pode contratar até dois com carteira assinada. Se a inflação terminar o ano a 10% com o acumulado dos últimos meses, como são as expectativas, o limite de faturamento para 2022 deve ir para R$ 90 mil para acompanhar os índices de preços. 

O valor do DAS também deve mudar de acordo com o salário mínimo do ano vigente. A pessoa jurídica paga 5% do valor do salário para o INSS e mais R$ 1 de ICMS, R$ 5 de ISS – tudo dependendo das categorias da empresa.

Logo, se o salário mínimo for para R$ 1200, como são as expectativas, é estimado a cobrança do INSS de R$ 60 em vez de R$ 55, como é pago atualmente. Além disso, também haverá a adição dos impostos, sendo de R$ 1 para comércio, R$ 5 para serviços e R$ 6 para ambos, como já foi citado anteriormente. 

Podem ser microempreendedores individuais todas as profissões que não foram regularizadas. Médicos, advogados, programadores e outras profissões de cunho intelectual não podem se inscrever neste porte. Deste modo, o recomendado é optar pelo EI, que tem um sistema bastante parecido. 

MEI 2022 deve beneficiar caminhoneiros

O Senado ainda está votando a possibilidade dos caminhoneiros virarem MEIs. E, neste caso, terão regras um pouco diferentes das outras empresas: para o ano de 2022, é estimado que possam ter o faturamento de até R$ 251,6 mil em vez de apenas R$ 81 mil.

Daiane Souza
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui