Investidores que aplicam na poupança perderam 7,46% em um ano: como assim?

Já parou para pensar que os investidores que aplicam na poupança podem achar que estão ganhando em segurança – apesar do baixo rendimento – mas na verdade estão perdendo dinheiro? Isso acontece porque a inflação acumulada nos últimos doze meses no Brasil está em 10,2%. No entanto, com a taxa Selic a 6,2% apenas desde agosto, o rendimento deste tipo de aplicação foi de 4% em média. Mas, quando a Selic estava a 2% como em fevereiro, o rendimento era inferior a 2%. 

Se for olhar o valor que recebe-se agora para aplicar o dinheiro, o investidor perde cerca de 7% ao ano. Por exemplo, supondo que aplicou R$ 1 mil no mês de setembro de 2020 para retirar em setembro de 2021. O rendimento foi abaixo de R$ 40, mas a inflação está em 10,2% (perda de poder de compra acima de R$ 102). Logo, o que parece ter sido reajustado e rendido, sequer acompanhou o IPCA, houve perda.

Qual o melhor investimento para quem busca segurança mas quer deixar de lado a poupança?

A poupança tem uma vantagem: o resgate imediato na hora que quiser. No entanto, existem aplicações que também permitem o resgate imediato e ao mesmo tempo, rendem um pouco mais, como é o caso do CDB. Já para aqueles que pensam no futuro e não veriam problema em deixar o dinheiro trancado por mais de 03 meses, também existem alternativas como é o caso do LCI e do LCA que chegam a render mais de 10% ao ano e não contam com descontos de imposto de renda. 

O lado positivo é que tanto o CDB quanto o LCI e LCA são protegidos pelo FGC, Fundo Garantidor de Crédito. Ou seja, se a instituição em que aplicou falir, tem direito de receber ao menos R$ 250 mil de todo o valor que for aplicado. 

Daiane Souzahttps://otrabalhador.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui