Por que quem recebe pouco deve tormar cuidado com criptomoedas?

Uma das razões para afirmarmos que quem tem pouco dinheiro deve ter cuidado com o investimento em criptomoedas está no fato de esse ser um mercado relativamente novo, bastante volátil, com pouca previsibilidade, sem regulamentação dos Bancos Centrais, além de que os ganhos com elas nem sempre ocorrem a curto e médio prazo.

Dentre as principais desvantagens das criptomoedas está justamente o fato de elas serem bastante instáveis (hoje valem muito e amanhã quase nada), suscetíveis a falhas de segurança, possuírem um imenso histórico de grandes perdas, entre outras situações que as colocam na categoria dos investimentos considerados de alto risco no mercado.

E como então investir em criptomoedas sem ter muito dinheiro?

A dica nº1 dada por especialistas quando o assunto é o investimento em criptomoedas é estudar bem esse mercado, já que estamos falando de um segmento descentralizado, sem qualquer tipo de regulamentação, não lastreado por uma moeda forte, e nem mesmo protegido por um Fundo Garantidor.

Por isso mesmo, a expressão de ordem quanto o assunto é o investimento em moedas digitais é “cautela máxima”. Isso significa só investir a quantia que você pode perder, não atirar-se de forma arrojada e atabalhoada se tem pouco dinheiro nas mãos, além de certificar-se de que as corretoras onde irá comprá-las são reconhecidas e bem avaliadas pelos seus investidores.

- Continua Depois da Publicidade -

Logo, seguindo essas importantes recomendações de segurança, torna-se possível investir nessas criptomoedas com um risco razoável, tendo sempre em mente que elas são os típicos investimentos para empreendedores; para aqueles que estão sempre dispostos a correr algum nível de risco, perder quantias razoáveis de dinheiro e mesmo assim seguir apostando, e apostando, e apostando, em períodos de baixa e de alta nesse mercado.

Leia mais:

Serasa: saiba como limpar seu nome e aumentar seu score

Cadastro Único: como fazer e quais as vantagens?

- Continua Depois da Publicidade -

Saldo extra do FGTS: Veja como solicitar

Avalie Nosso Conteúdo!
Avalie Nosso Conteúdo!
 
Vivaldo Pereirahttps://otrabalhador.com/
Poeta e ensaísta, um autodidata, com 3 livros publicados, participação em uma antologia poética, certificação em produção de conteúdo para web e copywriting pela plataforma Rock Content, além de muito amor e respeito pela arte de escrever

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui