Programa Bolsa Família: Crianças beneficiárias do programa tem consumo alto de alimentos ultraprocessados

De acordo com pesquisa feita pela Unicef, as crianças beneficiárias do programa Bolsa Família têm um consumo alto de alimentos ultraprocessados. Essa pesquisa refere-se às crianças com idade de 0 até 6 anos de idade, e mostra dados preocupantes.

Tudo faz parte de um estudo que volta-se para analisar como é a alimentação dos beneficiários, que estão dentro dessa faixa etária no país. Para isso, retiram-se amostras em mais de 10 capitais brasileiras, além de contar com o apoio de programas auxiliares.

Consumo de alimentos ultraprocessados no programa Bolsa Família

Para deixar bem claro, os alimentos ultraprocessados são aqueles que estão disponíveis prontos para o consumo, sendo derivados de fórmulas industriais, é claro. Nesse caso, produzem-se os alimentos, quase que em sua totalidade, utilizando processos laboratoriais, extrações e derivações de outros alimentos.

Nesse caso, alguns exemplos são as bebidas açucaradas e também os biscoitos, como os recheados. Esses, aliás, são alguns dos algozes desse alto consumo observado na pesquisa, sendo alguns dos alimentos que as crianças atendidas pelo programa Bolsa Família consomem.

Desse modo, esse consumo de alimentos ultraprocessados, e em grande quantidade, causam um desenvolvimento infantil inadequado, devido a falta de uma nutrição correta.

De acordo com o estudo, 3 a cada 4 famílias atendidas pelo programa Bolsa Família têm dificuldade de oferecer variedades de alimentos para os menores. Assim, 46% das crianças, por exemplo, não tem um consumo correto de vitamina A, assim como delas 35% não consome o Ferro adequado.

Esses dados mostram uma realidade preocupante que as famílias enfrentam, ao menos no que se refere a adequação da alimentação infantil. E as causas para isso são realmente as mais variadas, indo desde a praticidade que os alimentos ultraprocessados oferecem até a sua própria oferta. Isso porque as famílias moram mais perto desses estabelecimentos do que de hortas, por exemplo, isso baseado na própria pesquisa.

Susan Nogarthttps://otrabalhador.com
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui