Quais as cidades com o metro quadrado mais caro no Brasil?

De acordo com o levantamento realizado pelo portal Só Investimentos em abril de 2021, Balneário Camboriú, em Santa Catarina, estava com o valor do metro entre os mais caros do Brasil. Perdia apenas para o Rio de Janeiro com o valor de R$ 9.5 mil e São Paulo com o valor a R$ 9.4 mil.

Após o alagamento da faixa de areia da praia, houve uma valorização ainda maior dos terrenos, principalmente daqueles que estão próximos ao litoral. Está a R$ 8.834 para venda, um aumento de 14,42% só em 2021. A cidade ultrapassou até mesmo a capital do Brasil, Brasília, neste ano.  O portal Fipezap mostra que Itajaí também está entre as cidades mais valorizadas de Santa Catarina, tendo o preço de R$ 7.745. Logo, representa um aumento expressivo na faixa de 21,20%.

Para a construção, o estado catarinense conta com um inflamento de preços: cada metro quadrado pode chegar a R$ 1,6 mil. No restante do país, a média está em R$ 1,5 mil. 

Setor de construção cada vez mais caro por metro

No mês de outubro de 2021, o IBGE liberou os dados referentes à inflação brasileira, que tinha o acumulado de 10,67%. O setor do comércio apresentou uma leve diminuição de preços em 3%. Mas, o setor de construção civil teve um novo avanço de preços, chegando a 1,01%. Isso impacta e cai diretamente sobre o preço da construção e de cada terreno. No centro das cidades catarinenses, facilmente se encontram alternativas que cobram na faixa de R$ 1 milhão ou mais. 

Busca maior, lei de oferta e procura

Não há como aumentar a oferta de terrenos: o planeta terra terá o mesmo tamanho, seja com 7 bilhões de habitantes ou com menos que isso. Quanto maior a população está, mais o metro quadrado tende a ficar caro devido a procura por residências. 

Daiane Souza
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui