Saque-aniversário do FGTS para nascidos em julho está disponível

O saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) continua disponível para os nascidos em julho. Essa é uma modalidade opcional que permite a retirada de uma parte do saldo acumulado nas contas vinculadas, uma vez por ano, sempre no mês de nascimento do trabalhador.

Os aniversariantes de julho tem até setembro para realizar o saque, já que o prazo dura três meses. A migração da data pode ser realizada a qualquer momento, se for feita no mesmo ano até o último dia do mês de nascimento do interessado.

Lembrando que quem escolhe pelo saque-aniversário, abre mão de retirar o FGTS integral no caso de demissão sem justa causa. Entretanto, a multa de 40% ainda é paga pelo empregador.

Mas um aviso importante: essa modalidade só pode ser cancelada dois anos após a adesão.

No ano passado, 9,8 milhões de novos trabalhadores aderiram à modalidade. Segundo a Caixa, em 2021, o volume total de saque foi de R$ 17,7 bilhões, incluindo os valores repassados às instituições financeiras em razão da contratação, por parte de alguns trabalhadores, de empréstimos usando o saque-aniversário como garantia.

Como aderir ao saque-aniversário?

Quem quiser optar pelo saque-aniversário deve fazer a adesão pelo aplicativo do FGTS ou pelo site fgts.caixa.gov.br. O interessado deve clicar “Meu FGTS”, em seguida acessar a aba “Saque-Aniversário”. É preciso ler e concordar com os termos e condições e clicar em “Aderir ao saque aniversário”.

Com base no seu atual saldo, o sistema da Caixa Econômica também permite que você faça uma simulação de quanto irá receber pelo saque-aniversário.

Como consultar o saque-aniversário?

Para saber quanto dinheiro há disponível para o saque, é só baixar o aplicativo FGTS. Selecionar a opção “cadastre-se” e preencher todos os dados solicitados: CPF, nome completo, data de nascimento e e-mail. Depois, deve cadastrar uma senha de acesso, numérica, com seis dígitos. 

Para quem já usava o aplicativo, pode repetir o mesmo número de senha que usava antes. Depois de incluir seus dados, é só clicar no botão “não sou um robô”. Após o cadastramento, abra o app e informe o CPF e a senha cadastrada. Após o login, aparecerão algumas perguntas adicionais sobre a sua vida funcional.

Após responder essas perguntas, é preciso ler e aceitar as condições de uso do aplicativo, clicando em concordar.

×
App O Trabalhador
Aplicativo O Trabalhador
Grátis - Na Google Play
VER