14º salário do INSS será liberado em 2022?

Muitos aposentados e pensionistas aguardam a liberação do 14º salário do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Mas afinal, será que os valores serão pagos ainda em 2022? O que está faltando para iniciar os pagamentos do 14º salário? Quem pode contar com o dinheiro extra?

Veja também:

Atrasados Do INSS: Justiça Federal Libera R$ 1,5 Bilhão

Não esqueça de compartilha com amigos e familiares, mesmo aqueles que ainda não se aposentaram ou recebem pensão, eles também podem conhecer alguém nesta situação e a matéria ajudar.

Leia este artigo até o final e entenda tudo que você precisa saber sobre o assunto.

14º salário do INSS: entenda mais sobre o projeto

O 14º salário do INSS é uma maneira de não deixar os aposentados sem renda extra no final do ano, já que o 13º tem sido adiantado nos últimos dois anos, como uma forma de lidar com a crise financeira.

O Projeto de Lei nº 4.367/20, referente a esta medida, previa inicialmente pagamento de um salário-mínimo em 2020 e 2021, o que não aconteceu. Mesmo assim, o projeto não foi arquivado, mas sim alterado e, agora, a ideia seria pagar o mesmo valor de forma retroativa em 2022 e 2023.

Desta forma, é preciso que o projeto caminhe e o calendário de pagamentos seja definido.

Projeto já foi aprovado?

Para os aposentados e pensionistas que aguardam pelo valor, infelizmente, o 14º salário do INSS ainda não foi aprovado.

Inicialmente o texto estava tramitando nas comissões normalmente, chegando até passar pela Comissão de Constituição e Justiça, tendo parecer favorável para seguir com a votação no plenário.

Uma reviravolta, porém, mudou a velocidade que o texto deve avançar: agora foi determinado, pelo presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, que o texto deve ser analisado por uma Comissão Especial.

Agora a proposta precisará passar pela Comissão Temporária e também por toda tramitação necessária, o que pode atrasar sua aprovação.

Quem vai receber os valores?

Mesmo que o 14º salário do INSS ainda não tenha qualquer prazo para ser liberado, é importante que você saiba se você tem direito ou não. Confira uma relação prevista no projeto e entenda:

  • Aposentadoria (todas previstas na legislação);
  • Pensão por morte;
  • Auxílio-doença;
  • Auxílio-reclusão;
  • Auxílio-acidente;
  • Salário-maternidade.

Importante dizer que aqueles que recebem o BPC/Loas (Benefício de Prestação Continuada previsto na Lei Orgânica da Assistência Social), não terão direito ao pagamento extra.

Gostou do conteúdo? Não esqueça de compartilhar.

×
App O Trabalhador
Aplicativo O Trabalhador
Grátis - Na Google Play
VER