IR: consulta ao último lote de restituição será liberada nesta sexta

A consulta ao quinto e último lote de restituições do Imposto de Renda 2022 ocorre nesta sexta-feira, dia 23 de setembro.

Contudo, o dinheiro será creditado somente no dia 30 de setembro, na conta informada no momento da declaração.

Este é o último lote a ser pago pela Receita Federal. Caso você não seja contemplado, provavelmente caiu na malha fina. Será preciso entrar no site da Receita e verificar o motivo do não recebimento. 

Uma vez corrigido o problema, o contribuinte receberá a sua restituição.

O que é a restituição do Imposto de Renda?

A Receita Federal fica responsável em realizar um cálculo para verificar se o contribuinte pagou a quantidade de imposto necessária ao Fisco. A análise leva em consideração os ganhos e despesas do mesmo.

Quando constata-se que o contribuinte pagou um valor menor do que é devido, ele precisa pagar a diferença à Receita. Já quando ele paga mais imposto do que o necessário, tem saldo a ser devolvido e pode resgatá-lo. A isso é chamado de restituição.

Como consultar o lote da restituição do IR

Para conferir se está neste lote, o contribuinte poderá acessar a página da Receita Federal na internet, clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, “Consulta a Restituição”. 

A consulta também poderá ser feita pelo aplicativo oficial da Receita, disponível para tablets e smartphones, que consulta diretamente no sistema do órgão sobre a liberação das restituições, e ainda a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Neste caso, dá para reagendar o crédito dos valores pelo portal BB ou pelos telefones da central de relacionamento do banco, pelos números 4004-0001 para capitais, 0800-729-0001 para demais localidades ou 0800-729-0088, telefone especial exclusivo para pessoas com deficiência auditiva. 

Calendário de pagamentos do IR

Os pagamentos variam de acordo com a data de entrega da declaração do Imposto de Renda. Quem entregou antes, recebe primeiro.

O primeiro lote foi pago em 31 de maio, destinado aos contribuintes que têm preferência no pagamento, como idosos, pessoas com deficiência e professores, e também os contribuintes que enviaram a declaração no início do prazo de entrega, em março.

O segundo foi pago em 30 de junho aos contribuintes que enviaram a declaração do Imposto de Renda até o dia 18 de março deste ano. 

O terceiro lote foi pago em 29 de julho e incluiu os contribuintes que enviaram a declaração até 2 de maio deste ano.

O quarto lote foi pago em 30 de agosto e incluiu as pessoas que enviaram a declaração até 29 de maio.

×
App O Trabalhador
Aplicativo O Trabalhador
Grátis - Na Google Play
VER