Cadastro Único pode ser realizado no do site do Ministério da Cidadania

- Anúncios -

O Cadastro Único, um dos programas usados para arrecadar informações dos beneficiários de programas sociais, pode ser acessado através do portal do Ministério da Cidadania ao clicar aqui. É com ele que os cidadãos brasileiros conseguem ter acesso ao auxílio emergencial e ao Bolsa Família.  O portal do Ministério da Cidadania também conta com calculadoras de prestação de serviços e convênio de esportes.

É através da Secretaria Nacional do Cadastro Único – SECAD que se consegue identificar quais são as famílias que vivem em condições precárias. No Bolsa Família, já são mais de 15 milhões de pessoas recebendo e grande parcela delas contam com integrantes desempregados (segundo o IBGE, são mais de 14 milhões de pessoas sem emprego formal ou autônomo no Brasil).

- Anúncios -

É através de suportes de reconhecimento e atendimento que se consegue atender esses grupos e buscar as melhores saídas para as crises econômicas nas quais estão passando.

O calendário dos pagamentos dos benefícios pode ser acessado através da página do cadastro único junto à consulta de dados e do cidadão. Tudo isso pode ser realizado através do NIS e ainda há a opção de baixar o aplicativo do governo no celular através da Play Store, dessa forma, o processo de análise fica ainda mais objetivo e simplificado.

Há outra página que é bastante interessante que aborda sobre a legislação brasileira junto às leis de direitos dos beneficiários. Em suma, ela pode ser acessada ao clicar aqui.

Destaques sobre *** por e-mail

Em suma, o Cadastro Único está sendo regulado, atualmente, pelo Decreto nº 6.135, de 26 de junho de 2007.

Auxílio emergencial no Cadastro Único

Quem estava inscrito no Cadastro Único tinha o direito de receber o auxílio emergencial em 2020 (R$ 1200, R$ 600 e R$ 300) e no ano de 2021 (R$ 150, R$ 250 e R$ 375). O programa social deve passar por novas prorrogações que devem durar até o mês de outubro.

Veja também: Cadastro Único: como posso fazer o meu?

- Anúncios -
Leia também
×
App O Trabalhador
App do Trabalhador
⭐⭐⭐⭐⭐ Google Play - Grátis