Vale-gás retorna na próxima semana. Veja novo valor

Falta menos de uma semana para o retorno dos pagamentos do programa vale-gás nacional. De acordo com informações do Ministério da Cidadania, a ideia é retomar as liberações do benefício já a partir do próximo dia 9 de agosto. Na ocasião, os usuários com o Número de Identificação Social (NIS) final 1 poderão receber o benefício.

Veja abaixo o calendário oficial de repasses do benefício neste mês de agosto:

9 de agosto: Usuários com NIS final 1
10 de agosto: Usuários com NIS final 2
11 de agosto: Usuários com NIS final 3
12 de agosto: Usuários com NIS final 4

15 de agosto: Usuários com NIS final 5
16 de agosto: Usuários com NIS final 6
17 de agosto: Usuários com NIS final 7
18 de agosto: Usuários com NIS final 8
19 de agosto: Usuários com NIS final 9

22 de agosto: Usuários com NIS final 0

O calendário de repasses do programa vale-gás nacional segue sendo o mesmo que também é utilizado nas liberações do projeto Auxílio Brasil. Embora sejam dois depósitos diferentes, as suas liberações são feitas sempre nos mesmos dias. A regra não muda mesmo depois da aprovação da PEC dos Benefícios.

O Governo Federal confirmou no início desta semana o valor dos pagamentos do vale-gás nacional neste mês de agosto. A partir da próxima semana, os usuários do programa poderão receber R$ 110. O patamar é menor do que os R$ 120 que o Planalto vinha indicando, mas é mais do que o dobro do que os R$ 53 pagos em junho.

Para ter direito ao vale-gás nacional é preciso ter uma renda per capita de até meio salário mínimo, ou seja, R$ 606. Além disso, é necessário ter um cadastro ativo e atualizado no sistema do Cadúnico ou ao menos do Benefício de Prestação Continuada (BPC) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Fila de espera do vale-gás nacional

Como visto, a aprovação da PEC dos Benefícios pelo Congresso Nacional terá um impacto direto no sistema do vale-gás nacional. Afinal de contas, o valor dos pagamentos passará de R$ 53 para R$ 110 já neste mês de agosto.

No entanto, a PEC não terá impacto na questão do número de usuários do programa. Nesta semana, o Ministério da Cidadania já anunciou que cerca de 5,6 milhões de pessoas estarão aptas ao recebimento do projeto em agosto.

O número é basicamente o mesmo que se registrou em meses anteriores. O Governo Federal alega que não há mais espaço no orçamento deste ano para inserir milhões de pessoas no programa social do poder executivo.

Dados mais recentes do Ministério da Cidadania mostram que mais de 18 milhões de indivíduos estão dentro da fila de espera para entrada no vale-gás. São cidadãos que cumprem todas as regras de entrada no projeto, mas que mesmo assim não conseguem receber nada.

×
App O Trabalhador
Aplicativo O Trabalhador
Grátis - Na Google Play
VER