Auxílio Brasil: o que você precisa saber sobre o calendário de outubro

Auxílio Brasil será pago logo na primeira quinzena de outubro. Confira os detalhes dos repasses do benefício social para este mês
- Anúncios -

Falta pouco mais de uma semana para a retomada dos pagamentos do programa Auxílio Brasil do Governo Federal. Nesta segunda-feira (3), o Ministério da Cidadania anunciou que os repasses retornam no próximo dia 11 de outubro, e não mais no dia 18 como estava previsto inicialmente.

Veja abaixo como ficou o calendário:

- Anúncios -

11 de outubro: Usuários com NIS final 1
13 de outubro: Usuários com NIS final 2
14 de outubro: Usuários com NIS final 3
17 de outubro: Usuários com NIS final 4
18 de outubro: Usuários com NIS final 5

19 de outubro: Usuários com NIS final 6
20 de outubro: Usuários com NIS final 7
21 de outubro: Usuários com NIS final 8
24 de outubro: Usuários com NIS final 9
25 de outubro: Usuários com NIS final 0

Note que os repasses seguem levando em consideração o final do Número de Inscrição Social (NIS) de cada usuário. É através deste número que o indivíduo consegue saber em qual dia ele poderá  receber o dinheiro do Auxílio Brasil e até mesmo outros programas sociais, como o vale-gás nacional.

Destaques sobre *** por e-mail

Para outubro, a expectativa é de que pouco mais de 21,3 milhões de pessoas consigam receber o benefício social. Caso o número de confirme, trata-se de um recorde na história do programa. Em setembro, por exemplo, o projeto atingiu pouco mais de 20,65 milhões de brasileiros de todas as regiões.

Os valores não mudam. Segundo o Ministério da Cidadania, segue valendo a regra básica de que cada cidadão precisa receber R$ 600 mínimos por família. O patamar pode até ser maior conforme a soma dos benefícios internos, mas jamais poderá ser menor do que este patamar.

Auxílio Brasil

As regras de entrada para o programa também não mudam. Para ter direito ao benefício, é necessário ter uma conta ativa e atualizada no sistema do Cadúnico. Além disso, também é importante atentar para os limites de renda per capita.

De todo modo, é importante lembrar que não existe nenhum tipo de inscrição direta para entrar no Auxílio Brasil, nem em outubro, nem em nenhuma outra época do ano. Basta ter a conta ativa no Cadúnico e esperar pela seleção.

Todos os meses, o Ministério da Cidadania seleciona novos nomes para fazer parte do programa social. A quantidade de novas entradas varia a depender do tamanho da procura, e do espaço disponível no orçamento do Auxílio Brasil.

Desde a aprovação da chamada PEC dos Benefícios no Congresso Nacional, a quantidade de novas entradas subiu consideravelmente. Entre julho e agosto, foram 2,2 milhões seleções, por exemplo. Entre setembro e outubro, serão mais 500 mil.

- Anúncios -
Leia também
×
App O Trabalhador
App do Trabalhador
⭐⭐⭐⭐⭐ Google Play - Grátis