Consignado: novo golpe está tirando o sono de segurados do INSS

Reportagem do "Fantástico" revelou que criminosos estão tendo ajuda de funcionários do INSS para aplicar golpes no consignado de milhares de segurados
- Anúncio -

Nos últimos anos, a Polícia Federal (PF) intensificou a campanha com dicas para que o cidadão não caia em golpes pela internet ou mesmo por ligações por telefone. Pessoas mais atentas conseguiam perceber a fraude e não se tornavam vítimas. Contudo, criminosos estão evoluindo o sistema e complicando ainda mais a vida do cidadão.

Segundo reportagem publicada neste domingo (9) pelo jornalístico Fantástico, golpistas estariam comprando dados de cidadãos pela internet e realizando o pedido do consignado sem precisar enganar os cidadãos. Assim, até mesmo os mais atentos correm sérios riscos de se tornarem vítimas do sistema.

- Anúncio -

O golpe, aliás, já está fazendo muitas vítimas pelo Brasil. Segundo a reportagem, apenas no decorrer do ano de 2022, mais de 57.874 queixas de fraudes com o consignado foram realizadas em Procons de todo o país. A cada hora, seis denúncias são feitas. O número real deve ser ainda maior, já que há casos em que cidadãos não formalizam a queixa.

A Polícia desconfia que as quadrilhas estão conseguindo o chamado “kit fraude” com informações pessoais de cidadão através da internet. A principal suspeita é que todo o esquema tenha ajuda de servidores públicos que atuam no INSS. Eles teriam acesso aos dados e estariam divulgando em troca de dinheiro.

O “Kit Fraude” reúne uma série de informações pessoais que vão desde o número da identidade, até selfies que são tiradas pelas pessoas. Vale lembrar que em algumas solicitações de consignado, os bancos exigem a identificação do cidadão através de uma fotografia do rosto.

Destaques sobre *** por e-mail

O que dizem as autoridades sobre as fraudes

Ainda segundo a reportagem do Fantástico, membros da Polícia Federal (PF) pedem para que os segurados fiquem ainda mais atentos. Uma dica importante é prestar ainda mais atenção na movimentação da sua conta para tentar agir rápido em caso de algum movimento estranho.

O Ministro da Previdência, Carlos Lupi (PDT) disse que está de olho na situação, e que já entrou em contato com a PF para que os agentes abram uma investigação sobre o tema o mais rapidamente possível.

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) disse que “acompanha permanentemente todos os temas relacionados à segurança cibernética, ainda que eles não tenham origem no sistema financeiro.”

Consignado

O consignado é uma espécie de empréstimo voltado para os segurados do INSS. De um modo geral, o cidadão solicita o dinheiro, recebe a quantia e logo depois precisa pagar o montante na forma de descontos mensais na aposentadoria.

Em caso de golpe, os criminosos solicitam o saldo a partir dos dados roubados, recebem o dinheiro, e a conta precisa ser paga pelo segurado.

- Anúncio -
Leia também
×
App O Trabalhador
App do Trabalhador
⭐⭐⭐⭐⭐ Google Play - Grátis