Fim do Bolsa Família: o surgimento de um novo programa

Desde o início da pandemia do Covid-19 o fim do Bolsa Família já estava ocorrendo, através da substituição pelo Auxílio Emergencial, que acabou ficando em vigor de 2020 até o final de 2021. Contudo, mesmo com o final do auxílio de emergência, o Bolsa Família não voltou realmente a ativa.

Isso porque, o presidente Jair Bolsonaro resolveu fazer uma substituição do programa, lançando o Auxílio Brasil, que entrou em vigor logo após o fim do Auxílio Emergencial, em novembro de 2021. Com isso, ficou marcado o fim desse programa.

Fim do Bolsa Família: o que fazer?

Embora possa não parecer inicialmente um benefício para o cidadão, o fim do bolsa família, na verdade, marca o surgimento de um programa ainda mais abrangente. Esse é o Auxílio Brasil, um programa bastante amplo, que eleva o número de famílias beneficiadas. Elas saem de um pouco mais de 14 milhões para 17 milhões.

Os valores pagos também são mais elevados, uma vez que é de R$ 400. A entrada do Auxílio Brasil ocorreu, de certo modo, ainda em novembro de 2021, embora não tenha cumprido seu objetivo de ampliação.

No entanto, as coisas prometem ser bem diferentes em 2022. Isso porque no dia 30 de dezembro de 2021, o presidente Jair Bolsonaro sancionou oficialmente a lei que cria o Auxílio Brasil, que entra em vigor definitivo. E isso marca de vez o fim do Bolsa Família.

O único ponto a se considerar, porém, é em relação ao pagamento que acabou não ocorrendo devidamente em novembro de 2021. Assim, não cumpriu com a promessa de ampliação por assim dizer. Quanto a esses valores que não foram pagos, não há uma divulgação oficial de que eles serão retroativos.

De todo modo, é preciso observar essa questão não como o fim realmente do Bolsa Família. Na verdade é o surgimento de um programa ainda mais abrangente, que é o Auxílio Brasil.

Susan Nogarthttps://otrabalhador.com
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe seu Comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui